“Uma mãe entende mesmo o que um filho não diz.”

10
Fev 09

Que raiva!

porque será que em Portugal todos os trabalhos "bons" só lá permanecemos com cunha!não conta o tempo que lá estas, a tua dedicaçao e responsabilidade... e o k mais xateia é que depositaram tantas x confiança em mim, meteram-me a frente d tanta maquina tanta x, meteram-me a tomar conta d um turno à noite sem xefe, e não falhei, se derrepente fosse necessario vir d noite, sai as 16h e entrar a 0h ka tava eu e nunca me neguei, era preciso fazer horas ca estava eu, sabados...nunca faltei... so pk engravidei e infelizmente tive o tempo todo d gravidez em casa, pa poder "salvar" o meu bebe... venho a descobrir que existe a possibilidade de n voltarem a chamar-me, porque?quando estão lá pessoas que xegaram bem dp de mim, se eu soubesse k era uma desiluzao, que errava, puxa mas não... e o que me prometeram?Será que vão esquecer?ai...meus Deus, tenho um filho para criar, casa para pagar, carro...pk sem carro o meu marido não pode ir trab, pk trab fora da cidade e para ajudar nakela zona n existe autocarros...

 

publicado por guilhermepetisca às 15:14
sinto-me: triste... muito... e revoltada

Não penses assim!!
Já alguém te disse directamente que não te vão chamar??
Vais ver que se resolve.
beijinhos
mariasantiago a 10 de Fevereiro de 2009 às 15:27

falo conforme, eu sei que eles se baseiam e são... s for necessario n me o dizem directamente!
guilhermepetisca a 10 de Fevereiro de 2009 às 15:34

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14

15
16
17
21

22
23
24
25
27
28


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO